Brasil

[Brasil][bsummary]

Ciência e Tecnologia

[Ciência e Tecnologia][list]

anuncie



Livro vai contar bastidores da política cearense e os principais fatos da vida pública do deputado federal José Airton.

Nos 30 anos de Icapuí
(Paulo Verlaine) - O livro 'Companheiro Praiano - 30 anos da vida pública de José Airton Cirilo' será lançado no próximo dia 21 de janeiro, em Icapuí. De autoria do deputado federal José Airton Cirilo (PT) e dos jornalistas Paulo Verlaine e Salomão de Castro, a obra terá seu lançamento à noite, no mercado público municipal. O lançamento integra a programação alusiva às comemorações pelos 30 anos de emancipação política do município do Litoral Leste cearense. Os prefaciadores são o secretário de Cultura do Estado, jornalista Paulo Mamede; o jornalista e escritor Jota Ciro Saraiva e o juiz do Trabalho (aposentado) e advogado Inocêncio Uchoa.


'Companheiro Praiano' traz revelações sobre bastidores da política cearense e os principais fatos da vida pública do deputado federal José Airton. A obra trata da infância, adolescência e participação de José Airton no movimento estudantil. Também inclui abordagem sobre seu primeiro mandato eletivo, como vereador de Aracati, a luta pela emancipação de Icapuí e suas duas administrações na prefeitura do município criado em 1984. O livro trata ainda da eleição de José Airton como vereador de Fortaleza em 2000 e o período em que exerceu a presidência estadual do Partido dos Trabalhadores (PT).


O livro destaca as duas candidaturas de José Airton a governador pelo PT, em 1998 e 2002 - quando, de forma inédita no Ceará, a eleição para o Governo do Estado foi decidida em segundo turno. Companheiro Praiano aborda também o trabalho do líder petista no exercício de dois mandatos como deputado federal, a partir de 2007.

Os autores optaram por um estilo leve, alternando momentos dramáticos com lances curiosos e até humorísticos dos fatos políticos, por meio de episódios contextualizados. O livro traz uma retrospectiva da década de 1980, quando José Airton ingressou na vida política, mencionando sucessos musicais da época, fatos referentes à transição da ditadura para a democracia, aspectos culturais e comportamentais que marcaram aquela década.
O livro foi escrito por José Airton e dois jornalistas cearenses. Paulo Verlaine, jornalista, defensor da preservação da memória histórica e sentimental de Fortaleza, além de coautor do outro livro Futebol e Ditadura: a história de Nando, o primeiro jogador anistiado do Brasil. Salomão de Castro, especialista em marketing político, atua na área de assessoria de imprensa.

Fonte: Lauriberto Braga
Raimundo Moura

Radialista formado, blogueiro, graduando em serviço social e Conselheiro Tutelar, atualmente apresento o Programa Alerta Geral Vale do Curu pela 91.9 de Pentecoste e colaboro com o Jornal Integração da Atitude FM de Itapajé.

Comente
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook

Nenhum comentário :



Entretenimento

[Entretenimento][grids]

Saúde

[Saúde][bsummary]

Negócios

[Negócios][twocolumns]

Esportes

[Esportes][threecolumns]