Brasil

[Brasil][bsummary]

Ciência e Tecnologia

[Ciência e Tecnologia][list]

anuncie



Assaltantes levam armas de fórum

O Fórum da Comarca de Ubajara, na Serra da Ibiapaba, a 329 quilômetros de Fortaleza, amanheceu ontem arrombado. De lá, foram furtadas armas (peças de processo), além de dinheiro. O valor não foi revelado pela Polícia. Até a noite de ontem, nenhum assaltante havia sido localizado.

Ações contra fóruns no interior do Estado tem sido constantes este ano. Ao todo, foram oito. O último caso foi no Fórum de Maranguape, na Região Metropolitana de Fortaleza. No dia 3 de novembro, uma quadrilha invadiu o local, rendeu os vigilantes e fugiu levando todas as armas que estavam guardadas no depósito.

O furto de ontem ao Fórum de Ubajara ocorreu por volta das 2 horas, segundo a Polícia. A suspeita é de que três homens tenham entrado pelos fundos do prédio. Eles serraram uma grade e chegaram até a secretaria, de onde levaram três revólveres, além de uma quantia em dinheiro. O caso foi comunicado ao Comando de Policiamento do Interior (CPI) por meio da 2ª Companhia do 3º Batalhão da PM, em Tianguá.

A Polícia foi acionada após a descoberta do caso. Peritos criminais da Delegacia Regional de Polícia de Tianguá também foram ao local. O laudo do exame pericial deverá ser concluido no prazo de 30 dias.

Além dos fóruns das Comarcas de Maranguape e Ubajara, também foram assaltados este ano os de Chorozinho, Pentecoste, Umirim, Caridade, Mauriti e Palmácia.

Levantamento


Em matéria publicada no dia 6 de outubro, O POVO mostrou que pelo menos 83 armas sob a guarda da Justiça foram roubadas ou furtadas no Ceará em 2011. O número é quase o triplo do total levado por assaltantes nos quatro anos anteriores (29 armas). O levantamento foi feito pela reportagem a partir de dados da CPI do Tráfico de Armas e da Violência Urbana, na Câmara dos Deputados, e também do Banco de Dados do O POVO.

Em junho de 2011, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) baixou uma resolução mudando regras para o depósito judicial de armas de fogo. O documento diz que as armas apreendidas devem ser encaminhadas ao Exército - para destruição ou doação - logo após a elaboração do laudo pericial. Antes, o envio para o Exército só era feito após a sentença do processo.

A resolução determina ainda que a arma só deve ficar sob a guarda da Justiça, se o juiz decidir que isso é imprescindível “para o esclarecimento dos fatos apurados no processo”. A assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE) informou, por e-mail, que, desde março de 2011, “uma equipe de policiais da Assistência Militar realiza rotineiramente o recolhimento das armas no interior do Estado e no Fórum Clóvis Beviláqua (em Fortaleza)”. (Colaborou Tiago Braga)

O quê


ENTENDA A NOTÍCIA
As armas roubadas dos fóruns são aquelas apreendidas em processos da Justiça que apuram crimes como assalto, tráfico de drogas e porte ilegal de arma. Lei diz que armamento deve ser encaminhado para o Exército.

Fonte: O Povo
Raimundo Moura

Radialista formado, blogueiro, graduando em serviço social e Conselheiro Tutelar, atualmente apresento o Programa Alerta Geral Vale do Curu pela 91.9 de Pentecoste e colaboro com o Jornal Integração da Atitude FM de Itapajé.

Comente
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook

Nenhum comentário :



Entretenimento

[Entretenimento][grids]

Saúde

[Saúde][bsummary]

Negócios

[Negócios][twocolumns]

Esportes

[Esportes][threecolumns]