Brasil

[Brasil][bsummary]

Ciência e Tecnologia

[Ciência e Tecnologia][list]

anuncie



Vice-prefeito de Apuiarés tem mandato cassado pela Câmara Municipal


Em sessão realizada na noite desta terça-feira (9), a Câmara Municipal de Apuiarés cassou o mandato do vice-prefeito Abidias Ferreira (PDT). Foram seis votos favoráveis e dois contra. O vereador Marquinhos do Caminhão, que a época do pedido era presidente da Câmara, não compareceu a sessão. Sendo assim, chega ao fim o processo de cassação no âmbito da Câmara Municipal. Votaram a favor da denúncia, os vereadores Charlys Gomes, Margarida Mesquita, Cristina Aguiar, Mônica Freitas e Noquinha. Contra a cassação votaram os vereadores Zé Aurino e Conceição Gomes. 

Abidias Ferreira deve entrar na justiça para evitar a cassação do seu mandato pelo plenário Câmara. O mesmo já havia lançado seu nome como pré-candidato a vereador nas eleições de 15 de novembro. Se for confirmado a decisão do plenário da Casa, ele deve ficar inelegível pelos próximos anos.

Veja o vídeo da Sessão Extraordinária 



Entenda o caso. 

Em sessão realizada no dia 18 de outubro de 2019, a Câmara de Vereadores de Apuiarés acatou, por oito votos a um, pedido de abertura de pedido de impeachment (cassação) do mandato do vice-prefeito Abdias Ferreira (conhecido como Abdias da Lagoa).

A denúncia foi protocolada por Carlos Augusto Antônio Sérgio Napravnik, por suposta incidência no decreto lei 201 de 1967. O denunciante invocou o decreto Lei 201 de 1967 para justificar o pedido de abertura de processo de impeachment, tendo como base o processo desencadeado pelo Ministério Público que investigou o vice-prefeito municipal, no período de 180 dias em que exerceu o cargo de prefeito interino, onde segundo denúncia do MP, teria prorrogado contratos com uma empresa investigada de nome, Patrol Engenharia. Segundo o promotor de Justiça Jairo Pequeno Neto, que coordenou a operação, ao agir desta forma, o vice-prefeito praticou atos que infringiram seu dever funcional de zelar pelo erário.

Ainda nessa operação batizada de Malabares II, foram presos Antonio Abdias Ferreira de Abreu, vice-prefeito de Apuiarés, e Rodrigo Carvalho Azin, advogado e o ex-procurador do Município de Apuiarés, além do chefe de gabinete à época.

Através de um sorteio foi criado a comissão responsável pela análise do pedido de impeachment, que ficou assim formada: Presidente vereador Noquinha, relatora Mônica Freitas e membro Charles Gomes, os trabalhos serão iniciados em cincos dias, que após ser notificar o vice-prefeito, o mesmo terá um prazo de dez dias para apresentação de sua defesa.



Raimundo Moura

Radialista formado, blogueiro, graduando em serviço social e Conselheiro Tutelar, atualmente apresento o Programa Alerta Geral Vale do Curu pela 91.9 de Pentecoste e colaboro com o Jornal Integração da Atitude FM de Itapajé.

Comente
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook

Nenhum comentário :



Entretenimento

[Entretenimento][grids]

Saúde

[Saúde][bsummary]

Negócios

[Negócios][twocolumns]

Esportes

[Esportes][threecolumns]